E se os animais pudessem falar? O que eles diriam sobre os seres humanos? Pode ser uma coisa estranha de se pensar, mas é definitivamente um excelente ponto de partida. Nós pertencemos a uma espécie extraordinariamente peculiar e temos várias provas disso. Apesar de nossos melhores esforços, algumas de nossas mais estranhas fraquezas ainda desafiarem as explicações científicas. Vou te mostrar 7 fatos que te farão acreditar que os seres humanos são os animais mais estranhos vivos.

1. Psicose

Animais podem exprimir sintomas psiquiátricos, mas somente os humanos sofrem com psicoses. Graças aos nossos genes e à evolução humana, estamos suscetíveis à esquizofrenia, histeria, neuroses obsessivas e qualquer outra variante. É, os seres humanos são os animais mais estranhos vivos.

2. Arte

O dom de fazer projetos artísticos advém estritamente do ser humano. Um macaco pode usar o pincel, mas ter a consciência do que fazer com ele, no sentido de buscar elementos criativos, é coisa nossa. A expressão artística está ligada com a evolução da linguagem e com a habilidade de pensarmos de maneira abstrata.

3. Dormimos pouco, mas dormimos bem

De todos os primatas, nós somos os que menos dormem. No entanto, o sono humano é de extrema qualidade. Os cientistas acreditam que dormir “pouco”, e de maneira profunda, é mais eficiente do que o puro ato de cair no sono.

4. Aversão ao sangue

Nós somos a única espécie que pode desmaiar ao ver sangue. A “síncope vasovagal” ocorre quando você desmaia porque o corpo reagiu exageradamente a certos fatores desencadeantes, como a visão de sangue ou extrema perturbação emocional. Ainda não existem explicações oficiais, mas há uma teoria de que o nosso corpo chega ao estado de exaustão, tentando acalmar o susto por causa do sangue.

5. “Branco do olho” mais visível

De acordo com o Instituto Oncoguia, a principal parte do olho é o globo ocular, que é preenchido com um material gelatinoso denominado humor vítreo. O globo ocular é formado por três camadas: esclera, úvea e retina. A esclera é um tecido fibroso externo conhecido como o “branco do olho”. Nos seres humanos, a esclera é extremamente grande comparada com a de outros animais. A camada opaca e densa, que tem a função de proteger o olho, tem motivo para ser grande nos seres humanos. Cientistas especulam que é mais visível em nós porque usamos a visão mais para a comunicação não-verbal.

6. Sorrir

Sorrir com o objetivo de demonstrar felicidade é uma característica nossa. Na maioria das outras espécies, mostrar os dentes tem mais a ver com agressividade e estranhamento. Se os animais pudessem falar, acho que eles diriam: “os seres humanos são os animais mais estranhos vivos. Como podem mostrar os dentes quando estão felizes. Não faz sentido”.

7. Nascemos muito cedo

Em relação a outros primatas, os seres humanos nascem incrivelmente cedo. A nossa infância é singular porque o desenvolvimento definitivo do cérebro é feito após o parto. Dessa maneira, nascemos 20% “completos”, enquanto outros primatas já emergem 70% “desenvolvidos”.

Gostou da lista? Sabe de mais alguma coisa sobre o quão estranhos somos em relação aos outros animais? Não deixe de comentar. Queremos saber a sua opinião.

Fonte

Deixe uma resposta