Sem sombra de dúvidas, podemos afirmar que boa parte da população mundial sonha em ganhar na loteria. Imagine, do dia para noite, se tornar um milionário e ter todos os seus problemas financeiros resolvidos. Ao longo das décadas, as pessoas vêm apostando nas loterias esperando, que um dia sejam contempladas.

No entanto, existem algumas pessoas que preferiram não confiar no destino e na sorte, e resolveram trilhar seu próprio caminho rumo ao prêmio. Muitas foram as estratégias encontradas para se chegar até o famigerado prêmio. Hoje, listamos alguns exemplos para vocês. Confira!

1 – Nick Perry

Em 1980, Nick Perry foi exposto como cúmplice de um grande escândalo da história da loteria estadunidense. Na época, Nick era apresentador de um programa de televisão onde eram anunciados os vencedores do prêmio. Algumas bolas adulteradas foram inseridas no globo utilizado para sortear os números vencedores e foram escolhidas ao vivo no programa. Nick ocupava o cargo de apresentador desde 1977.

Assim, em 24 de abril de 1980, em ação conjunta com alguns funcionários do programa, Nick, ajudou que o prêmio fosse para aqueles que ficaram conhecidos como irmãos Maragos. Ele ganharam um prêmio de 3,5 milhões de dólares, porém, eles nunca receberam o dinheiro. Funcionários da loteria ficaram desconfiados quando uma série de bilhetes de números parecidos foram comprados por todo estado onde o sorteio estava sendo realizado.

Investigações posteriores revelaram a ligação entre Nick e os irmãos Maragos. Em uma espécie de delação premiada, os irmãos Maragos foram poupados da vida atrás das grades. No entanto, Nick ficou sete anos preso. Alguns outros funcionários delatados pegaram pena de dois anos ou menos. Nick, até a sua morte em 2003, se dizia inocente.

2 – A gangue e as crianças vendadas

Em dezembro de 1998, a loteria italiana se envolveu em um grande escândalo. Isso porque foi descoberto que uma gangue criminosa estava manipulando os resultados do prêmio. Na época, os números vencedores do sorteio foram selecionados por crianças vendadas que colheram as bolas em uma cesta de metal.

Investigações posteriores descobriram que um sindicato subornou e treinou as crianças para escolherem bolas especiais. Elas eram mais suaves e maiores que as demais. O mais curioso era que a maioria das crianças tinha algum tipo de relação com funcionários do Ministério das Finanças, que supervisionavam a loteria.

Tudo começou a ruir quando um funcionário do ministério, que administrava o esquema, foi transferido para outro departamento e anunciou o fim da fraude. O grupo participante se recusou a finalizar as ações começaram a coagi-lo para fazer outra pessoa assumir a liderança. Depois de diversas ameaças, a esposa do funcionário acionou a polícia e revelou todo o esquema.

3 – Joan Ginther

Joan Ginther é uma estadunidense que já ganhou na loteria do Texas algumas vezes. Usando seu conhecimento de matemática e estatística, ela venceu o prêmio por quatro vezes. Entretanto, algumas pessoas acreditam que ela possa ter ganhado outras vezes, usando outras pessoas. Porém, nada disso pode ser confirmado. Ginther, que atualmente reside em Las Vegas, não concede entrevistas ou revela a fórmula que a ajudou a conquistar os prêmios.

Alguns pensam que ela possa ter monitorado os bilhetes vendidos nas loterias para determinar sua probabilidade de ganhar.

4 – James Harvey

Em 2005, o estudante de Matemática do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) desenvolveu uma forma quase infalível de jogar na loteria de Massachusetts. Ele descobriu que a loteria foi projetada para pagar US$ 1,20 a cada US$ 2 de bilhetes vendidos. James se uniu a outros 50 alunos do MIT e, juntos, eles compraram US$ 1 mil e ganharam US$ 3 mil. Em 2010, ele e um sócio abriram a Random Strategies Investments. O intuito era conseguir mais investidores para o negócio. Entretanto, foi descoberto mais tarde que James estava recebendo informações  e orientações confidenciais da loteria.

5 – Zhao Liqun

Em 2005, o chinês Zhao Liqun descobriu uma brecha no sistema de três loterias. O que lhe permitiu comprar bilhetes com números vencedores 5 minutos depois que os anúncios foram feitos. Ele ganhou 28 milhões de yuans (aproximadamente US$ 3,76 milhões) em dois anos.

Zhao costumava usar seus amigos e vizinhos para suas fraudes, para não despertar suspeitas. No entanto, em 2007, ele foi preso depois que a organização da loteria descobriu que as pessoas que reivindicavam o prêmio não eram aquelas que haviam comprado os bilhetes. Liqun foi condenado a prisão perpétua e teve todos os seus bens confiscados.

6 – Remmele Mazyck

Remmele Mazyck, em 2009, deu início a um esquema fraudulento na loteria na qual ele era vice-diretor. Com uma certa frequência, os organizadores da loteria distribuíam raspadinhas gratuitas para fins promocionais. No entanto, Mazyck nunca as distribuía. Ele as raspava e chegou a receber diversos prêmios de cerca de US$ 500, uma vez que prêmios maiores exigiam que a pessoa se apresentasse no escritório da loteria. O golpe foi revelado em 2012, quando ele tentou resgatar prêmios de raspadinhas vendidas em uma loja que já havia fechado.

Segundo investigadores, Mazyck resgatou prêmios de aproximadamente 22 mil raspadinhas, avaliados em 478 mil dólares, entre 2009 e 2012. O homem foi condenado a 37 meses de prisão e condenado a pagar mais de 482 mil dólares em restituição.

7 – Edward Putman

Edward Putman foi o grande vencedor de um prêmio de 2,5 milhões de libras da loteria nacional do Reino Unido, em 2009. Sua vitória gerou bastante polêmica na época, uma vez que Edward era um homem condenado por estupro. Em 1991, ele foi condenado a sete anos de prisão por estuprar uma mulher grávida de 17 anos.

Em 2016, Edward voltou a ser notícia depois que uma pessoa anônima fez uma denúncia ao Camelot Group, organizador da loteria, de que o homem nunca havia ganhado de fato. Investigações posteriores revelaram que Edward usou bilhetes fraudulentos para ganhar.

Porém, ele não pôde ser acusado de fraude porque Giles Knibbs, funcionário do Camelot Group, que supostamente o ajudou a organizar e realizar o crime, havia cometido suicídio. Segundo os investigadores, Giles pode ter informado a Edward os números vencedores.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here