Lula não mede as palavras. Ofende, agride e desrespeita.

É um canalha, da pior espécie.

Preso em Curitiba por ter roubado o povo brasileiro, utiliza o poder que ainda detém para tripudiar sobre a honra de seus adversários, sem o menor escrúpulo, de maneira vil e sorrateira.

A vida do atual Presidente da República foi salva por um fio, graças ao pronto atendimento da Santa Casa de Juiz de Fora e, na sequência, a equipe médica do Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

O crime inclusive foi filmado e no presídio de Segurança Máxima de Campo Grande (MS) está preso o homem que atentou contra a vida de Jair Bolsonaro, um militante de esquerda.

Mas Lula, desprezível, mesquinho e sem vergonha, teve a audácia, a petulância e a absoluta desonestidade de questionar a veracidade do atentado.

Como o meliante petista ainda lidera e direciona a mente de toda a incauta militância, essa turma incontinenti põe fé na mentira e a dissemina. Uma brutal covardia. Puro jogo sujo.

De qualquer forma, a emoção e a sinceridade na resposta de Bolsonaro, destroem a infâmia do embusteiro.

Veja o vídeo:

Deixe uma resposta