Você já parou para se perguntar porque seu animalzinho se contorce, quando você faz carinho nele? Tão fofinhos, esses bichinhos parecem adorar um bom carinho na “barriguinha”. No entanto, será que, assim como seus donos, esses animais também sentem cócegas?

De fato, nós sempre fazemos cócegas em pessoas mais próximas, como pais, namorados e também amigos. Contudo, tudo indica que essa maneira de socialização está relacionada a um mecanismo de defesa do nosso corpo. Logo, é possível que, de fato, os animais também sintam aquelas cócegas em algumas regiões do corpo.

Você têm cócegas?

E a resposta é sim, os animais sentem cócegas. Para se ter uma ideia, os gorilas e orangotangos dão boas gargalhadas. No entanto, outros animais podem não demonstrar isso de forma sonora. Os pássaros, por exemplo, arrepiam as penas. Já animais mamíferos arrepiam os pelos, ou ainda, fazem caretas e outras expressões faciais.

Entendemos que as cócegas são mais do que um mecanismo de defesa, elas possuem um papel de interação social. Isso porque, só sentimos cócegas com pessoas da nossa confiança. Se fazer esse carinho em você mesmo não funciona, pois nossas terminações nervosas nos alertam do que ocorrerá, mas imagine como seria em um estranho. Além disso, esse mecanismo possui uma importância de proteção do nosso corpo. Por exemplo, caso uma mosca ande por seu corpo, logo, você a sentirá e assim, podendo expulsá-la.

Também por isso, regiões com maior número de terminações nervosas, como a sola do pé e axilas, são mais sensíveis. Funcionando por mecanismos semelhantes e espécies diferentes, podem ser, ou não, acompanhadas pelo riso característico. E são ativadas pelo hipotálamo, basicamente, o mesmo receptor que nos faz sentir dor.

E os animais?

Para comprovar se seu cãozinho tem cócegas, basta observar sua reação, ao escová-lo ou ao acariciar seu corpo. Nesses casos, o mais provável é que uma de suas patas comece a tremer de maneira intermitente. Além disso, sob a pele desses animais, há uma grande quantidade de terminações nervosas. O que estimula esses reflexos e causam as cócegas.

Em zoológicos, os cuidadores de animais costumam fazer cócegas nos pés de orangotangos e gorilas. E como a maioria desses animais gosta do carinho, eles colocam as pernas para fora da grade. Mas é preciso ter cuidado, nenhum tratador costuma fazer cócegas debaixo do braço ou nas costelas de um macaco. Isso porque o risco de levar um patada não vale as boas intenções do carinho.

Outros animais, que gostam das cócegas, são os ratos. Em estudos recentes, eles chegaram a dar risadas. Com um gravador ultrassônico, foi possível entender que os roedores fazem um som, que pode ser interpretado como risos. No entanto, esse é inaudível para humanos.

De todo modo, não há ninguém melhor, para saber se um animal gosta de cócegas, do que seu próprio dono. Afinal, saberá entender como ele reage aos carinhos. Certamente, haverá partes mais agradáveis e outras, nem tanto.

Mas e então? Você sabia de tudo isso? O que acha que seu pet sente? Se não testou, deveria. Fique à vontade, até porque esse é um momento bastante íntimo. Assim, você também poderá construir um bom vínculo com seu animalzinho, seja ele um cãozinho, um roedor ou um pássaro.

Deixe uma resposta