Um grupo de 50 jovens e adultos agricultores de Petrolina conseguiu concretizar o sonho de concluir o Ensino Fundamental.

A formatura do Programa Projovem no Campo aconteceu no último final de semana. Todos os concluintes têm entre 18 e 29 anos de idade e são alfabetizados, mas não tinham terminado o ensino fundamental e voltaram aos estudos. Os alunos das Escolas José Esmerindo Ribeiro, Bruna Negreiro Leite, Osório Leônidas de Siqueira, Moisés Barreto dos Santos e Luiz de Souza – todas na zona rural – receberam o certificado de conclusão do curso de Ensino Fundamental na modalidade Jovem e Adulto, integrado a qualificação social e profissional à agricultura familiar.

De acordo com Rosângela Castro, coordenadora do ProJovem Campo, o projeto visa a ampliar o acesso e a qualidade da educação a essa parcela da população historicamente excluída do processo educacional, respeitando as características dos povos do campo.

“No programa são abordados os conteúdos do ensino fundamental (linguagens e códigos, ciências humanas, ciências agrárias, ciências matemáticas) associados à profissionalização, com aulas sobre legislação, produção rural familiar, agroindústria, agroextrativismo, aquicultura (pesca) e sistemas de cultivo e de criação“, explica.

Inclusão

A secretária de Educação, Maéve Melo, que entregou as certificações aos concluintes, destacou a inclusão social dos estudantes como principal fator do programa. “Estou muito feliz e orgulha por participar desse momento de inclusão social dos estudantes jovens e adultos na Educação”, pontuou Maéve Melo, secretária de Educação do município, que entregou as certificações. (Fonte/foto: Ascom PMP)



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here