Nesta segunda-feira (08), uma notícia pegou toda população do Vale do São Francisco de surpresa. Por meio de nota, a Apami informou, que a partir desta terça-feira (09), estão suspensos os atendimentos por tempo indeterminado, desde os serviços ambulatoriais, internações, tratamentos quimioterápicos, além da distribuição de medicamentos adjuvantes para pacientes oncológicos.

No comunicado emitido para diversos órgãos de Pernambuco e da Bahia, a direção do Centro de Oncologia (Apami), em Petrolina, afirma que a situação se deve as dificuldades financeiras que a instituição de saúde vem enfrentando, pois não consegue mais custear a compra de medicamentos, insumos e pagamentos de funcionários, devido aos atrasos de repasses mensais por parte da Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco.

Mas a população quer saber quem responde por essa situação? De quem é a culpa? Porque o hospital está assim? De onde vem o recurso que mantém o hospital?








[EA]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here