(Foto: Arquivo Divulgação)

A 3ª Superintendência Regional (SR) da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) informou, por meio de nota, que realizou o corte de água e energia elétrica nas áreas do Projeto Pontal, zona rural de Petrolina, ocupadas por famílias ligadas ao Movimento dos Sem Terra (MST).

Conforme este Blog mostrou na última quinta-feira (7), a 3ª SR Codevasf conseguiu na justiça um novo mandado de reintegração de posse determinando que os ocupantes deixem o local em 10 dias, sob pena de multa diária de R$ 10 mil. “Dessa maneira, portanto, a água e a energia elétrica já foram devidamente cortadas, segundo direcionamento da Ordem Judicial“, frisa a Codevasf.

CB

Deixe uma resposta