Uma fonte deste Blog informou que, ao contrário do divulgado na coluna desta quinta-feira (18), a batalha pelo comando do MDB de Pernambuco ainda deverá render alguns capítulos.

Embora o cenário esteja caminhando para ser favorável ao senador Fernando Bezerra Coelho, que já foi inclusive indicado pela cúpula nacional para presidir a legenda no Estado, a justiça ainda deve analisar o Agravo de Instrumento interposto pelo atual presidente estadual do MDB, Raul Henry (foto). Os advogados do MDB nacional, no entanto, pediram ao desembargador e relator do caso, Francisco Sertório, um prazo para contrapor aos argumentos de Henry.

Enquanto isso, a queda de braço continua.

CB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here