Brasil vai entregar satélite de tecnologia de ponta para estrangeiros

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), por solicitação do senador Jorge Viana (PT-AC), debateu nesta quinta-feira (21) a tentativa de concessão do único satélite 100% nacional em órbita lançado pelo Brasil.

No início de maio deste ano, o Brasil lançou o Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC) com uso civil (Banda Ka) e militar (Banda X) compartilhado.

Viana criticou a pressa e a falta de transparência no procedimento adotado pelo governo para concretizar a concessão do SGDC à iniciativa privada. O governo anunciou a intenção de privatizar o satélite em abril. Após dois adiamentos, o leilão está agendado para o dia 17 de outubro.

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), por solicitação do senador Jorge Viana (PT-AC), debateu nesta quinta-feira (21) a tentativa de concessão do único satélite 100% nacional em órbita lançado pelo Brasil.

No início de maio deste ano, o Brasil lançou o Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC) com uso civil (Banda Ka) e militar (Banda X) compartilhado.

Viana criticou a pressa e a falta de transparência no procedimento adotado pelo governo para concretizar a concessão do SGDC à iniciativa privada. O governo anunciou a intenção de privatizar o satélite em abril. Após dois adiamentos, o leilão está agendado para o dia 17 de outubro.



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here