(Foto: Reprodução)

O saque da segunda parcela do auxílio emergencial será liberado a partir de sábado (30) para os trabalhadores que foram aprovados para receber os R$ 600 durante a pandemia do novo coronavírus, mas não são do Bolsa Família. Por isso, a Caixa Econômica Federal (CEF) informou que vai abrir 2.213 agências, das 8h às 12h, no próximo sábado (30).

A lista completa das agências que vão fazer o pagamento do auxílio emergencial no sábado ainda será divulgada pelo banco. Mas a instituição garantiu que o número e a localização das agências foram definidos de acordo com a demanda esperada, para evitar filas e aglomerações.

Essas 2.213 unidades representam mais da metade da rede de agências bancárias da Caixa, que conta com 4,1 mil unidades. E representarão, sobretudo, aquelas agências que já costumam fazer a maior parte dos pagamentos dos programas sociais do governo. Além disso, para sábado está previsto o pagamento dos R$ 600 para no máximo 2,6 milhões de pessoas. Um volume, portanto, bem menor que os mais de 7 milhões de saques diários realizados no início do programa.

Neste sábado, será liberado o saque da segunda parcela do auxílio emergencial apenas para aqueles trabalhadores que não são do Bolsa Família e nasceram em janeiro. Só na segunda-feira (01/06) será a vez de os trabalhadores nascidos em fevereiro terem acesso ao saque. E assim por diante. Esse calendário de pagamentos vai até 13 de junho e vai atender todos os 30,5 milhões de trabalhadores que foram aprovados para receber o auxílio emergencial ainda em abril através do aplicativo do programa ou do CadÚnico. Os demais beneficiários, que são do Bolsa Família, já estão fazendo o saque da segunda parcela e terminarão de receber o auxílio até sexta-feira (29/05).








Fonte: Blog do Carlos Britto

Deixe uma resposta