Representantes dos Sindicatos de Trabalhadores Rurais (STRs) da Bahia e Pernambuco se reuniram, nesta segunda-feira (23), no STR de Juazeiro, para discutir a sustentabilidade do movimento sindical e a campanha salarial unificada da hortifruticultura do Vale do São Francisco 2018.

O evento contou com a presença do secretário de finanças da Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares (Contag), Juraci Souto; e do secretário geral da Federação de Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura no Estado da Bahia (Fetag-BA), Welington Reis. O vereador Agnaldo Meira (PCdoB) também esteve presente.

Também foram discutidos os efeitos da portaria nº 1.129, que flexibiliza o trabalho escravo no país e a não-obrigatoriedade da contribuição sindical. “Precisamos construir uma política que possa refletir o amanhã e potencializar o diálogo dos sindicatos com as federações de cada Estado e a Contag. Os sindicatos precisam manter uma boa conversa com a base e continuar oferecendo uma boa prestação de serviço para os trabalhadores, para que eles possam contribuir de forma voluntária”, explicou Souto.

A luta pela manutenção dos direitos é um desfio grande. Não podemos ficar de braços cruzados diante desses retrocessos”, frisou Meira.

Representações

A reunião também contou com a presença de representantes da Federação dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Pernambuco (Fetape), da Fetag-BA, da Contag, da CTB, além do anfitrião – o presidente do STR de Juazeiro, Emerson José da Silva (Mitú). (foto/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here