Foi aprovada nesta quarta-feira (20), por unanimidade, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei (PL) 6569/13, que trata sobre a interligação entre os Rios Tocantins e São Francisco. De autoria do deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE) e com parecer favorável do relator Tadeu Alencar, a proposta segue, agora, para ao Senado.

“Esperamos que seja aprovado no Senado em, no máximo, 30 dias – devido à sua importância. É um projeto que demorou 27 anos para ser aprovado. Ano passado foi aprovado na Comissão de Transportes, e agora na de Justiça, fechando o debate na Câmara”, comentou o autor do texto.

O PL visa a compensar o suprimento hídrico do manancial, melhorar o volume de água no Lago do Sobradinho, aumentar a disponibilidade aquática no semiárido e gerar energia a partir da queda d’água na divisa de Tocantins com a Bahia. As obras, segundo Gonzaga, durariam no máximo um ano e meio e podem custar entre R$ 3 bilhões e R$ 5 bilhões. O projeto conta com R$ 600 milhões já disponíveis no Orçamento da União. Deste valor, R$ 150 milhões precisam ser usados este ano. As informações foram repassadas pela assessoria do deputado.



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here