Cerca de dois milhões de mesários de todo o País devem ser mobilizados para as eleições deste ano. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), metade deles se ofereceu para trabalhar de maneira voluntária no pleito, que ocorre nos dias 7 e 28 de outubro (primeiro e segundo turnos, respectivamente).

Representante da Justiça Eleitoral na seção de votação, o mesário tem como tarefas identificar os eleitores (tanto pela verificação de documentos e coleta de assinaturas quanto pela biometria), compor as mesas de votos e justificativas, fiscalizar e desempenhar tarefas logísticas e de organização da seção para a qual foi designado.

Além de contribuir com o processo eleitoral, o mesário tem direito à dispensa do serviço pelo dobro de dias e ao desempate em concursos da Justiça Eleitoral, desde que o edital indique esta possibilidade.

Mesário Voluntário

Desde 2004, a Justiça Eleitoral incentiva a participação espontânea nas eleições por meio do programa Mesário Voluntário. Quem estiver interessado em participar deve procurar mais informações com a ouvidoria do TSE ou nos sites dos tribunais regionais eleitorais.

O treinamento aos mesários, sejam eles convocados ou voluntários, pode ser feito tanto presencialmente quanto à distância.






Fonte

Deixe uma resposta