O ex-candidato à presidente da República Ciro Gomes, crítico feroz do presidente Jair Bolsonaro e provável adversário no pleito de 2022, foi obrigado a reconhecer que o atual governo realizou em apenas 90 dias, o que FHC, Lula, Dilma e Temer não conseguiram fazer em 20 anos.

O governo de Jair Bolsonaro transferiu os chefes das facções criminosas para os presídios federais e cortou a rede de comunicação que sempre existiu entre eles e os seus grupos criminosos.

Os resultados disso estão traduzidos em números, com a vertiginosa queda nos índices de criminalidade.

O ex-candidato do PDT, mesmo tratando Bolsonaro como ‘fascistoide’, ainda elogiou a medida provisória criada pelo governo que permite o pagamento de pensão para crianças portadoras de microcefalia, causado pelo Zika Vírus.

Ciro ainda atribuiu a crise do país ao PT e a Lula. Algo elementar, por sinal.

Veja o vídeo:

Deixe uma resposta