Foto: divulgação

FBC e a  Reforma da Previdência para Estados e municípios

O senador de Petrolina e líder do governo no senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) está empenhado e acreditando na reforma da previdência.

Ele disse nesta terça-feira (16) que a Reforma da Previdência terá rápida tramitação no Senado e será aprovada em 45 dias. Segundo FBC, as mudanças nas regras para aposentadorias e pensões podem contar com o apoio de até 60 dos 81 senadores.

Nossa expectativa é concluir a votação em dois turnos no Senado até aproximadamente 20 de setembro”, disse.

FBC disse a este Blog que é importante a inclusão de estados e municípios na Reforma da Previdência – única mudança que o Senado deve fazer no texto aprovado pela Câmara.

Não dá para aceitar que a gente venha a ter 27 sistemas previdenciários distintos. Creio que é adequado, correto e racional viabilizar uma reforma previdenciária que possa valer para a União, mas também para os estados e os municípios brasileiros. São mais de 2 mil municípios com regime próprio de Previdência. Não dá para cada um ter um. Portanto, o Senado, como a Casa da Federação Brasileira, deverá sim incluir os estados e os municípios na Reforma da Previdência”, afirmou ele.

Luska prefeita

Quem assumiu mais uma vez em exercício a Prefeitura de Petrolina foi a vice, Luska Portela. O chefe do Executivo Municipal, Miguel Coelho, está em Washington (EUA), onde participa de um encontro de líderes políticos.

Bolsonaro Cidadão Petrolinense

Integrante da bancada evangélica na Câmara Municipal de Petrolina, o vereador Elias Jardim (PHS) já se mostrou disposto a apresentar Projeto de Decreto Legislativo, no retornos dos trabalhos da Casa Plínio Amorim, concedendo título de Cidadão Petrolinense ao presidente Jair Bolsonaro. Os votos contra já se sabe que virão da bancada oposicionista. Resta saber se serão só esses.

Será que vai?

Pelo menos em relação ao bloco de oposição em Juazeiro (BA), as articulações visando à sucessão municipal de 2020 já começaram. Mas a questão que não quer calar é a seguinte: será que dessa vez o grupo de une ou vai sair novamente com candidaturas fatiadas?

Fonte: Blog do Carlos Britto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here