FBC deve aceitar convite para liderar Governo Bolsonaro no Senado

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) se reunirá, nesta segunda-feira (11) com o ministro da Casa Civil do Governo Bolsonaro, Onyx Lorenzoni (DEM), em Brasília (DF). Na pauta do encontro, está o convite que o Democrata fará oficialmente para Bezerra Coelho assumir a liderança do Governo no Senado que, tão logo formalizado, deverá ser aceito pelo pernambucano.

O nome de FBC para ocupar a função é estratégica para o Governo. É a principal aposta para pacificar a relação com o MDB, que ficou arranhada após o fim das eleições para mesa diretora do Senado, quando o nome de Renan Calheiros (MDB) foi fritado da disputa com ajuda do Planalto, em detrimento do presidente eleito, Davi Alcolumbre (DEM).

Após a fissura, nos últimos dias, o ministro Onyx e o próprio Alcolumbre vêm trabalhando nos bastidores para aproximar o MDB, que no Senado tem a maior bancada e é essencial para aprovação dos projetos.

Foi justamente de Alcolumbre que partiu as primeiras sondagens ao nome de FBC para o cargo, a pedido de Onyx. Após procurar o líder do MDB no Senado, Eduardo Braga (AM), o nome de Fernando passou por consulta nas hostes do emedebista, que não ofereceu resistência.

Caso seja oficializado no cargo, FBC poderá se tornar o principal interlocutor entre Governo de Pernambuco e Planalto para atrair investimentos ao Estado, uma vez que maior parte da bancada de deputados e senadores pernambucanos fazem oposição ao governo federal.

Ciumeira

O prefeito de Juazeiro (BA), Paulo Bomfim, mal acabou de anunciar mudanças no secretariado e o comentário nos bastidores é que já estaria rolando muita ciumeira entre algumas lideranças políticas ligadas ao grupo do PCdoB. Parece que tinha mais gente querendo uma vaga no governo municipal.

Abandonou o barco

A vereadora Tia Célia (PTC) abandonou de vez o barco da oposição em Juazeiro (BA). Logo mais, às 10h, ela fará parte oficialmente do Governo Paulo Bomfim. É que acontecerá hoje a posse dos novos secretários e equipe de governo. Tia Célia, que é professora, assume uma assessoria especial do prefeito e cumprirá papel na relação institucional do governo com a Câmara de Vereadores, comunitários e representantes da sociedade civil.

Devolveu o elogio

Depois de ouvir, com certa surpresa, o vereador governista José Batista da Gama (PDT), que está de volta à Câmara de Petrolina, afirmar não ter nenhuma mágoa ou rancor de sua pessoa, o oposicionista Domingos de Cristália (PSL) devolveu o elogio. “Zé Batista é competente. O que aconteceu é que o governo não deu condições para ele realizar o serviço que ele queria”, afirmou, referindo-se às críticas feitas ao então secretário de Desenvolvimento Econômico e Agrário.

Faltou respeito

Conhecido por dizer tudo ‘na lata’, o vereador Ronaldo Silva (PSDB) disse lamentar a postura de alguns companheiros de Casa Plínio Amorim, que desfizeram os blocos de bancadas por conta de interesses nas comissões permanentes. “Achei uma falta de respeito”, alfinetou.

Fonte

Deixe uma resposta