Nesta segunda-feira (06), a reunião entre representantes da Prefeitura de Petrolina e os conselheiros tutelares discutiu medidas de combate ao trabalho infantil no município. Na oportunidade, equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos apresentaram um projeto que tem como objetivo desenvolver ações contínuas já nos próximos dias.

Durante o encontro, a secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Kátia Carvalho, lembrou que o trabalho infantil precisa ser combatido por todos e solicitou apoio do Conselho Tutelar na missão de enfrentar o problema.

O trabalho infantil é uma violação de direitos que precisa ser combatida e isso é uma missão de todos nós. Este combate deve ser feito pelas famílias, pelo poder público e pela sociedade civil que sempre pode ajudar de alguma forma e o que pretendemos inicialmente é justamente fazer esta provocação e conscientizar a comunidade”, disse a gestora da pasta.

Atualmente, equipes das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (AEPETI), têm combatido o trabalho infantil através de atividades educativas nas feiras livres da cidade, mas segundo Kátia Carvalho, a prefeitura está buscando parcerias para levar as ações a outros pontos críticos onde ainda é possível identificar alguma forma de trabalho infantil. A ideia é que diversas entidades se unam a partir de agora, em uma ação integrada para coibir a prática em Petrolina.






DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here