Foto: Compesa/divulgação

Por meio de nota, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) explicou os problemas de abastecimento d’água ocorridos no Residencial Novo Tempo, em Petrolina. Segundo a empresa, as altas temperaturas do últimos dias na cidade provocaram um aumento no consumo e no residencial, que antes estava sendo abastecido com a pressão da caixa d’água do Centro.

O abastecimento do bairro, conforme a Compesa, necessitou do reforço de uma estação elevatória, que foi projetada na época da construção do empreendimento, para manter as pressões da água normais ao longo do dia.  A estação elevatória, que foi construída pela empresa responsável e repassada à Companhia, apresentou alguns problemas de obstrução quando necessitou ser acionada.

Os problemas já foram resolvidos e, através de monitoramento realizado pela Compesa, foi verificado que chegou água em todas as casas do residencial no dia de hoje (30), “mas a normalização das pressões nos horários de pico só deve acontecer de forma gradativa até o final da semana, devido ao longo período em que o residencial ficou sem água”, ressalta a Compesa.

Fonte

Deixe uma resposta