O deputado David Miranda, suspeito de ter conseguido o mandato de maneira ilícita, através de uma criminosa negociata envolvendo o pseudo jornalista Glenn Greenwald e o ex-deputado Jean Wyllys, ousou subir a tribuna em socorro do ‘marido’.

O parlamentar do PSOL se diz preocupado com a possibilidade de Glenn estar sendo investigado pelo COAF.

Fica o questionamento: qual a preocupação?

E fez uma ameaça.

David afirmou categoricamente que se estiver acontecendo a investigação “não vai deixar barato” e que “vai fazer de tudo para conter ou reverter qualquer tipo de investigação”.

Diante da ousadia do parlamentar do PSOL, coube ao deputado Bibo Nunes (PSL-RS), este sim um jornalista de verdade, detonar o marido do ativista americano.

Veja o vídeo:

Deixe uma resposta