A falta d’água que atinge muitos bairros de Petrolina virou uma rotina ainda mais incômoda em Dormentes (PE), Sertão do São Francisco. Por lá, os moradores dizem não estar mais aguentando a situação.

Relatos feitos a este Blog dão conta de que há nada menos que 21 dias o precioso líquido não cai das torneiras das residências. Se quiserem beber, os comunitários estão sendo obrigados a comprar água mineral. Já para outras tarefas, têm de pagar carro-pipa. “Isso é um absurdo!”, desabafam. Com a palavra, as autoridades competentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here