Não há informações sobre compromissos de Temer para os próximos dias. (Foto: Internet)

O presidente Michel Temer (PMDB) está com obstrução parcial de uma artéria coronária, mas ainda não há previsão de que seja submetido a cateterismo para sua desobstrução. As informações foram confirmadas, com exames de rotina feitos no fim de setembro no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, informou o Palácio do Planalto nesta quarta-feira (11).

A assessoria da Presidência negou que exista uma previsão para o presidente, de 77 anos, se submeter a procedimentos cirúrgicos e que qualquer informação adicional sobre o estado de saúde de Temer está sob responsabilidade de seu médico Roberto Kalil Filho.

Ainda de acordo com a assessoria, Temer chegou a estudar a realização da intervenção cirúrgica na última sexta-feira (6), mas optou por adiar o procedimento de desobstrução da artéria para depois da votação pela Câmara de denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República (PGR), da qual é o principal alvo. A votação deve ocorrer até o fim de outubro

A previsão é que o presidente permaneça em Brasília nesta quarta-feira, véspera de feriado, em reuniões internas no Palácio do Planalto. Não há informações sobre compromissos de Temer para os próximos dias.

Com informações de Valor

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here