Para adicionar a sua coleção de ‘surtos’ e ‘ataques histéricos’, Ciro Gomes, atacou o presidente Jair Bolsonaro na tarde desta terça-feira (29), durante participação no programa Pânico, da Jovem Pan.

Indagado sobre a condução da pandemia por parte do Governo, Ciro logo disse:

“Eu considero o Bolsonaro um boçal genocida.”

E prosseguiu:

“Se você tomar a América do Sul, menos o Brasil, eles têm 10 milhões de habitantes a mais do que nós, têm a mesma contradição de renda, se tem algo melhor é para o Brasil, que é o mais rico de todos, têm o mesmo clima e todos eles juntos têm a metade das mortes no Brasil.”

Ultimamente a vida de Ciro Gomes se resume aos ataques contra Bolsonaro.

Ele imagina que vai ganhar pontos adotando esse tipo de conduta.

O que ocorre é exatamente o contrário.

Ciro é extremamente oportunista, mas minimamente inteligente.

Confira:

Fortaleça o jornalismo independente do Jornal da Cidade Online.

Faça agora a sua assinatura e tenha acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Deixe uma resposta