Pokémon Go receberá mais uma atualização em breve. Dessa vez, o mobile game se prepara para receber os Pokémon da quinta geração. Entre os nomes confirmados, estão Snivy, Tepig e Oshawott, os mais novatos da região de Unova. Em síntese, a lista possui até uma quantidade considerável de novos acréscimos. Infelizmente, a boa notícia vem acompanhada de um “porém” que pode desanimar muitos jogadores. Todavia, apesar da atualização, nem todos os adicionais da quinta geração estarão disponíveis para todos. Ademais, muitos deles serão exclusivos de certas regiões, outros, requererão itens específicos para serem apanhados.

Ou seja, no final do dia, nem todos os Pokémon da quinta geração poderão ser capturados. Heatmor, Durant e Klink são alguns exemplos de criaturas que serão específicos de regiões. Confira a lista completa com os monstrinhos confirmados.

Snivy, Srvine, Serperior

Tepig, Pignite, Emboar

Oshawott, Dewott, Samurott

Petrat, Watchog

Lillipup, Herdier, Stoutland

Purrloin, Liepard

Pidove, Tranquill, unfezant

Blitzle, Zebstrika

Drilbur, Excadrill

Foongus, Ferrothorn

Klink, Klang, Klinklang

Deino, Zweilous, Hydreigon

Durant, Heatmor

Pansage, Simisage

Panpour, Simipour

Pansear, Simisear

Sucesso absoluto

Sozinha, a franquia Pokémon já possui um peso absurdo. O passado também ajuda, pois, a marca tem diversos jogos queridos entre os fãs. Desenvolvido pela Niantic, o game inovou o modo de interagir com os jogadores e se transformou numa febre geral. Pessoas do mundo inteiro aderiram ao novo jogo e até arriscavam ir a lugares perigosos, somente para “pegar” um monstrinho. Embora muitas pessoas apostassem no sucesso passageiro, Pokémon Go continua a render dinheiro, mesmo três anos após seu lançamento.

O jogo soube conquistar uma base fiel de jogadores, com várias atualizações. O game procura sempre introduzir novas criaturas, ajustar elementos de gameplay e fazer eventos especiais de acordo com datas comemorativas. Esse cuidado, na manutenção do aplicativo, ajuda os jogadores a permanecerem ativos. Não por menos, Pokémon Go rendeu mais dinheiro do que Candy Crush e Clash Royale, por exemplo. Jogos que são muito fortes no meio mobile. Vale lembrar que o domínio dos monstrinhos de bolso ultrapassa os games para celular, com lançamentos frequentes também para os consoles.

Deixe uma resposta