O famoso treinador das celebridades, Nuno Cobra, 79 anos, foi preso nesta segunda (11), pela Polícia Federal. O ex-preparador físico de Ayrton Senna, foi condenado pelo crime de violação sexual contra uma mulher, de 21 anos, durante um voo, em 2015.

Uma jornalista também denunciou Nuno, afirmando que após uma entrevista, ele apertou suas nádegas. A prisão foi decretada pela 3ª Vara Federal de São Paulo.

Nuno foi condenado a 3 anos e 9 meses. Em agosto, ele esteve no Recife para uma palestra sobre saúde do corpo e da mente.








Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here