Governo brinca com o povo: repasse da redução de R$ 0,46 no preço do diesel para o consumidor “não é imediata

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou nesta quarta-feira, em entrevista à rádio CBN, que o repasse da redução de R$ 0,46 no preço do diesel para o consumidor “não é imediata. No dia primeiro de junho, Padilha tinha falado que a partir desta segunda-feira, os postos já teriam o reabastecimento com o novo preço.

Segundo ele, a diminuição do valor só vai acontecer depois que os postos de combustível esgotarem o estoque de diesel que foi comprado antes de a Petrobras reduzir o preço nas refinarias. Além disso, é necessário que os estados apliquem a diminuição desses R$ 0,46 na tabela do ICMS, o que deve acontecer até o próximo dia 15.


Post Views:
875

Deixe uma resposta