Na noite de ontem (11), mais um feminicídio foi registrado em Petrolina. Dessa vez, na Rua 8 do bairro Jardim Amazonas. A vítima foi a professora de educação infantil Kezzia Homeilly, de 32 anos, foi assassinada com 14 golpes de faca pelo marido, não resistindo aos ferimentos e morrendo no local.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, o homem que não teve a identidade revelada, comenta “não valoriza, não valoriza, passei o dia todinho rodando atrás dela, ninguém sabe aonde a mulher tava”.

Os policiais do 5º BPM prenderam o homem, que permaneceu próximo ao corpo da vítima, em flagrante. Ele foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil para adoção das medidas pertinentes ao caso.








Fonte: Blog do Carlos Britto

Deixe uma resposta