Na próxima terça-feira,  20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, o P1 Rappers, de Juazeiro (BA), fará o lançamento público do álbum ‘(Des) Feito Nós’, lançado em julho deste ano. O show será no Arco da Ponte, a partir das 18h, e integra a programação de atividades da Prefeitura Municipal de Juazeiro para o Novembro Negro, mês dedicado à promoção e ao fortalecimento do debate sobre as questões ligadas ao povo negro e à luta negra. Junto com o P1, também se apresentarão os grupos Norte Ba Crew, Perdidos do Norte e 3 da Matina. O evento será aberto a todas e todos.

O novo álbum ‘(Des)Feito Nós’ fala sobre o amor em suas várias formas de ser e de sentir. Reunindo artistas de diversos segmentos, o novo trabalho também evidencia as parcerias feitas em 2018. “É um trabalho em que a gente juntou forças com várias outras pessoas. Ao mesmo tempo em que a formação da P1 é a menor. O grupo já teve cinco pessoas, e hoje somos só eu, Werson, e Euri. Esse é o disco que tem mais participações de outras pessoas. Tem gente contribuindo com arranjos, com letra, voz. Ao mesmo tempo que desfez nós, fez outros nós”, destaca Dj Werson, integrante do P1 Rappers. As músicas “Mainha”, “Arme-se”, “Nordeste”, “Cotidiano”, “Filha”, “Homem Cadê Você” e “Amanhã”, que integram o álbum, estão disponíveis nas plataformas Spotify, Deezer e Youtube.

Fazendo jus à tradição de sempre promover e participar de eventos abertos ao público, o show no Arco da Ponte, que também contará com as participações especiais de Andrezza Santos, Peu Bandeira e Ananda Fonseca, de Juazeiro, representa não só uma oportunidade de divulgar o novo álbum, mas também de celebrar a importância da cultura Hip Hop e da conscientização sobre a luta negra na sociedade. “Que bom que será no mês de novembro. Muito importante, por ser mês de aniversário da cultura Hip Hop e mês da consciência negra. A gente vai fazer as músicas do álbum e também outras músicas que marcam a carreira do P1. Vai ser muito massa e a gente fica muito contente porque vai fazer esse lançamento público pra galera”, afirma Euri Mania, integrante do P1.

Fonte

Deixe uma resposta