Diante de muitas cobranças dos juazeirenses em relação à continuação da obra da Travessia Urbana – também conhecida como Anel Viário –, que está parada desde o ano passado, o prefeito Paulo Bomfim informou que está tentando destravar o projeto junto ao Ministério dos Transportes.

Mas parece que o início da segunda etapa ficará para o ano de 2018. De acordo com Bomfim, o ministro Maurício Quintella informou a ele, na semana passada, que o atraso na obra acontece por conta da licitação do projeto.

A CGU, órgão fiscalizador, queria mais detalhes, porque os viadutos não foram licitados junto com a parte de duplicação. Aí queriam refazer a licitação. Segundo o ministro, até janeiro ele relicita essa obra”, disse o gestor. “Se Deus quiser, no início do próximo ano essa obra volta com força total”, acredita.

Projeto

A obra da Travessia Urbana prevê a duplicação da BR-407, no trecho urbano entre a ponte Presidente Dutra e a entrada do Distrito Industrial, que compreende cerca de 10 km de extensão. Mais de R$ 14 milhões serão investidos no segundo trecho da travessia, que sairá do contorno do Mercado do Produtor, fazendo, inclusive, a via entre o entreposto e o Bairro Tancredo Neves, e segue pela BR-235/sentido estação de Piranga até o contorno da São Luiz, que será contemplada com alargamento de pista. (foto/arquivo divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here