Em Lagoa Grande (PE), Sertão do São Francisco, o prefeito Vilmar Cappellaro não só tem as ações contra o novo coronavírus (Covid-19) para se preocupar. No campo político-eleitoral, o clima na cidade esquentou de vez.

Isso porque Cappellaro decidiu exonerar o seu vice-prefeito, Ítalo de Vilma, do cargo de secretário municipal de Governo. Nos bastidores, comenta-se que a atitude do prefeito é apenas o primeiro passo de um processo de rompimento político com ítalo. E que ninguém se surpreenda por lá: o vice-prefeito tem grandes chances de aparecer numa chapa adversária nas eleições deste ano.








Fonte: Blog do Carlos Britto

Deixe uma resposta