MORO PEDE PERÍCIA NO SISTEMA DA PROPINA

Sérgio Moro determinou à PF que proceda em 30 dias perícia técnica no sistema Drousys e MyWebDay utilizados pelo Setor de Operações Estruturadas, o departamento da propina da Odebrecht.

O objetivo é identificar informações relacionadas à propina para a compra do duplex do primo de Bumlai e do imóvel que serviria de sede para o Instituto Lula.

Confira os pedidos de Moro:

a) solicita-se descrição geral do que tratam os sistemas Drousys e MyWebDay utilizados pelo Grupo Odebrecht e disponibilizados ao MPF, inclusive quanto ao seu funcionamento

b) solicita-se que seja informado se é possível garantir a autenticidade dos arquivos eletrônicos ou sistemas disponibilizados ao MPF, com a data de sua produção e informações sobre eventuais alterações posteriores

c) solicita-se que seja verificado se o material contém documentos ou lançamentos que possam estar relacionados com o objeto da presente ação penal, a aludida aquisição do prédio na Rua Haberbeck Brandão, 178, e caso positivo para que sejam identificados e apresentados em laudo

d) solicita-se que seja verificado se os materiais já juntados aos autos pelo MPF no evento 999 e pela Defesa de Marcelo Bahia Odebrecht (evento 997) encontram-se no sistema e se é possível relacioná-los à aludida aquisição do prédio na Rua Haberbeck Brandão, 178

e) a identificação de todos os lançamentos em favor de “Beluga” e de “Jaumont” e se é possível, pelos elementos constantes na contabilidade paralela, identificar a identidade do beneficiário direto desses pagamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here