Foto: Folha de PE

Apresentada ontem (29) pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara, a nova Carteira de Identidade deverá chegar com mais facilidade às mulheres vítimas de violência doméstica no Estado. É o que pretende a deputada estadual Gleide Ângelo.

Ela está destinando emendas parlamentares para aquisição de 11 equipamentos ABIS (responsáveis pela emissão do novo documento) iguais aos que já estão funcionando no Instituto de Identificação Tavares Buri. A intenção, segundo Gleide, é de que a Polícia Civil (PC) possa implantar esse equipamento nas 11 Delegacias da Mulher (DEAMs) instaladas em Pernambuco.

A finalidade é que as mulheres vítimas de violência doméstica e familiar possam resgatar sua cidadania e dignidade. A gente sabe que a maioria delas tem seus documentos e de seus filhos destruídos e/ou retidos pelo agressor, ficando assim sem qualquer tipo de documentação”, argumentou a parlamentar.








Fonte: Blog do Carlos Britto

Deixe uma resposta