Foto: Ascom Codevasf/divulgação

Em comemoração aos 518 anos de descobrimento do Rio São Francisco, nesta sexta-feira (4), a 3ª Superintendência Regional (SR) da Codevasf, em Petrolina, realizou um peixamento com cerca de 50 mil alevinos de espécies nativas do Velho Chico, como piau verdadeiro e pacamã. Os peixes são produzidos no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura do Perímetro de Irrigação do Bebedouro, zona rural. O evento contou com a participação de estudantes do município.

O peixamento foi realizado por 25 alunos do colégio municipal Anézio Leão. Durante a soltura dos alevinos nas margens do rio, eles ouviram uma breve explanação da equipe técnica da Codevasf a respeito dos cuidados com o meio ambiente.

A estudante Ana Júlia Pereira, 13 anos, disse que foi um dia especial para ela. “Fiquei bastante emocionada. Eu conheço o rio desde que nasci e estar aqui, no dia do seu aniversário, colocando vidas nele, é muito legal. Foi emocionante“, disse.

Aurivalter Cordeiro, superintendente regional da Codevasf em Petrolina, informou que esse peixamento foi apenas uma das muitas ações que a Companhia tem feito em benefício do rio. “Em toda a sua área de abrangência nos Vales do São Francisco, Parnaíba, Itapecuru e Mearim, a Codevasf já investiu quase R$ 2 bilhões em sistemas de esgotamento sanitário e abastecimento de água, gestão de resíduos sólidos e controle de processos erosivos. Mais de mil nascentes já foram cercadas e protegidas. Isso mostra a preocupação que temos tido com a preservação desse tesouro que é nosso rio“, disse.

Foto: Ascom Codevasf/divulgação








Fonte: Blog do Carlos Britto

Deixe uma resposta