Ao conceder a palavra a vereadora Cristina Costa, o parlamentar Gilberto Melo, que conduzia os trabalhos como presidente interino, foi interrompido pelo vereador Domingos de Cristália que questionou: “Quer dizer que o Senhor me cortou mesmo presidente?”.

Logo, Gilberto Melo justificou que Cristália estava ausente do plenário, por isso passou a palavra para a petista, que se pronunciou, após a fala de Cancão e o vereador Domingos disparou: “O Senhor está sendo autoritário e você aqui não é maior que ninguém, não é dono da mesa e nem do regimento”.

O vereador Gilberto Melo disse que foi ameaçado e após o clima tenso, houve continuidade da sessão.






DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here