O velho pirou: ‘Moro foi condenado a me condenar’, diz Lula em entrevista ao ‘Monde’

Para Lula um nato ‘viajante da maionese’, o juiz Sérgio Moro, é ”refém da mídia”. Ele foi ”condenado a me condenar”, disse Lula. ”Os procuradores, tomados pela megalomania, garantem que o PT queria o poder para roubar.

A Polícia Federal mente, o procurador mente, e o juiz Moro transforma essas mentiras em processos judiciais. Faz três anos que a polícia investiga. E até agora não há nenhuma prova da minha culpa”, avaliou o ex-presidente. Lula admitiu ter cometido erros, mas defendeu seu governo. ”Ninguém tem 80% de aprovação por seus erros”, disse. A ex-presidente Dilma Rousseff também cometeu erros, segundo ele. ”Dilma disse que não faria reformas.

Depois ela fez reformas que afetaram os trabalhadores e os deixou com sentimento de terem sido traídos”, disse. Segundo ele, entretanto, o impeachment foi um ”golpe de Estado”. Reiterando que vai ser candidato e que está pronto para assumir o poder, Lula chamou a preocupação dos mercados em relação a sua tentativa de voltar ao governo de ”ridículas e hipócritas”. ”Os mercados não têm medo de Lula porque eles já viveram no país governado por Lula e aquele foi um dos melhores momentos para a economia”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here