O Brasil passa atualmente por um grande processo de migração das rádios, do AM para FM. Foi o que aconteceu com a Emissora Rural.

De AM 730 para Rural FM 103,1, o adeus ao antigo transmissor aconteceu nesta sexta-feira (17) com a inauguração e benção do bispo de Petrolina Dom Francisco Canindé Palhano ao novo sistema, que levará informação com o que há de mais moderno ao público fiel, que passa a acompanhar uma programação diversificada.

“A emissora é pioneira e hoje estamos construindo uma nova história. Vamos respeitar a evangelização com os programas da igreja, mas com o jornalismo e a comunicação jovem trazendo muito entretenimento, o velho trator se cala, aquele transmissor foi desligado para sempre”, frisa o diretor de programação, Carlos Britto.

Para o diretor administrativo da Rural FM, padre Givanildo José, a emissora vive um novo momento após 56 anos de história.

“Ela marcou sendo a Voz do São Francisco, sendo uma escola de comunicação para muitos profissionais. Tudo isso é importante para entender esse momento. a Emissora Rural continua a mesmos, só que nova e mais jovem, alegre. Todo veículo precisa entender a dinâmica do mercado atual e chegar mais longe. Evangelizar é a nossa meta só que de uma forma diferente”, ressaltou o padre durante a visita de comunicadores, seminaristas (Foto ao lado) e admiradores da Rural.














Fonte

Deixe uma resposta