Recentemente, foi revelado que Ozzy Osbourne está com uma doença incurável. Conhecido por suas músicas enquanto vocalista da banda britânica “Black Sabbath”, e de uma forte carreira solo, a notícia chocou seus fãs ao redor do mundo.

Com 71 anos, o cantor revelou que foi diagnosticado com a doença de Parkinson, em 2019. “Vindo de uma classe trabalhadora, eu odeio decepcionar as pessoas. Odeio não fazer meu trabalho”, revelou o astro do rock.

Ozzy não é bom em guardar segredos

Em um entrevista ao programa de TV americano, Good Morning America, Ozzy Osbourne revelou que foi diagnosticado com a doença de Parkinson. No entanto, a revelação para os fãs não é uma novidade para o cantor. Em fevereiro de 2019, Ozzy cancelou todos os shows do ano, após cair em sua casa, em Los Angeles. Na época, o cantor tratou da lesão, juntamente com um caso de pneumonia, que o fez abandonar sua turnê de despedida, No More Tours II. Contudo, mesmo que Ozzy tenha se recuperado da queda, o diagnóstico da doença veio como uma surpresa.

De acordo com Ozzy, tudo aconteceu muito rápido, era difícil dizer se os sintomas eram do Parkinson ou da queda. “Não é uma sentença de morte, mas afeta certos nervos do corpo. Você tem um bom dia, um bom dia e depois um dia muito ruim”, disse Sharon Osbourne, esposa de Ozzy. De fato, “tem sido terrivelmente desafiador para todos nós”, acrescentou Ozzy. No vídeo abaixo, é possível assistir um trecho da entrevista em que o cantor revela possuir a doença.

Depois da queda, Ozzy precisou fazer uma cirurgia e, atualmente, toma remédios para dores nos nervos e também para o Parkinson. Com isso, a última vez que os fãs assistiram ao ídolo no palco, foi no final de 2018. “Fiz meu último show na véspera de ano novo. Depois disso, tive uma queda forte. Tinha que fazer uma cirurgia no pescoço, que estragava todos os meus nervos”, revelou Ozzy.

Não é o fim para o astro do rock

Desde sua queda, diversos rumores circulavam sobre sua saúde e cancelamento dos shows. “Não sou bom em segredos. Não posso mais andar com ele porque é como se estivesse ficando sem desculpas, sabe?”, disse Ozzy. No entanto, é em momentos como esse que os fãs têm se mostrado mais compreensivos com o afastamento do cantor dos palcos. “Eles são o meu ar, você sabe. Eu me sinto melhor. Eu compreendi o fato de que eu tenho… um caso de Parkinson. E eu só espero que eles continuem e estejam lá para mim porque eu preciso deles”, afirmou Ozzy. Antes de ser um astro do rock, Ozzy também possui uma família. De acordo com Ozzy, foram Jack e Kelly, seus filhos, que perceberam que havia algo de errado com seu pai. “O mais difícil é ver alguém que você ama sofrer”, disse Kelly Osbourne.

Em 2007, foi revelado que Ozzy tinha uma condição conhecida como síndrome de Parkinson, que também causa tremores. No entanto, somente anos depois, o cantor foi diagnosticado com a doença de Parkinson. Contudo, mesmo que ainda não seja o ideal, sua saúde está melhorando. “Estou muito melhor agora do que em fevereiro do ano passado. Estava em um estado que poderia chocar”, disse Ozzy. Atualmente, mesmo com a doença, o astro do rock voltará para os palcos no dia 27 de maio, em Atlanta, nos Estados Unidos.

Deixe uma resposta