Guilherme Coelho. (Foto: Duda Oliveira/Blog o Carlos Britto)

O ex-deputado Guilherme Coelho (PSDB) falou sobre o fim do chamado ‘Dia do Rio’, que suspendia a captação de água no Rio São Francisco às quartas-feiras, devido à criticidade da situação da bacia do São Francisco. A medida, adotada pelo Governo Federal, foi suspensa neste mês de dezembro, após os reservatórios ao longo da bacia mostrarem recuperação.

Essa medida foi comemorada pelo ex-deputado, mas ele demonstrou preocupação, pois comenta-se que a taxa de K1 (cobrança da água aos produtores) pode aumentar ainda mais. Para Guilherme, “isso é um absurdo“.

O ex-deputado disse que essa medida precisa ser revista. “Isso é um encaminhamento do Comitê de Bacia do Rio São Francisco. Isso precisa ser revisto, pois a atividade não aguenta esse aumento, que chegou a mais de 500%. Como não cabe aumento de imposto em nosso país, não existe aumentar taxa de irrigação“, declarou.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here