Foto: Reprodução/Internet

Diante do colapso no sistema de saúde em Manaus, capital do Amazonas, devido à falta de oxigênio para pacientes internados com a Covid-19, outros municípios acenderam o alerta, uma vez que os dados no país vêm mostrando o aumento progressivo na quantidade de pessoas que contraíram a doença.

Em Manaus, a crise iniciou após um rápido crescimento no número de infectados precisando de internação. Os hospitais ficaram lotados fazendo com que a demanda por oxigênio no estado aumentasse ao ponto de os fornecedores não conseguirem atender a necessidade.

No município de Petrolina (PE), o aumento dos novos casos confirmados, que são apontados pelos boletins diários, também vem preocupando a população. O Blog entrou em contato com a secretaria de Saúde para saber como está o abastecimento de oxigênio na cidade, e a pasta garantiu “estar dentro da normalidade”.







Fonte: Blog do Carlos Britto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here