Os preparativos para a 7ª edição do Sermiárido Show, maior feira da agricultura familiar do Nordeste brasileiro, que acontecerá de 7 a 10 de novembro em Petrolina, estão a todo vapor. O evento é realizado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), que nesta edição contará pela primeira vez com a parceria do Sindicato dos Agricultores Familiares e Empreendedores Familiares e Rurais do Município de Petrolina (Sintraf).

Como acontece a cada dois anos em que é realizado, o Semiárido Show vai integrar avanços da pesquisa técnico-científica com políticas públicas e a experimentação agrícola de Organizações não Governamentais (ONGs), que contribuem para oferecer alternativas e estratégias de convivência com a seca. A feira é aberta ao público e acontece em uma área da Embrapa, localizada na BR-428, Km 152, na zona rural de Petrolina.

De acordo com o chefe-geral da Embrapa Semiárido, Pedro Gama, o evento deste ano terá o grande desafio de apresentar alternativas para a convivência com a seca, no momento em que a região enfrenta as consequências do sexto ano consecutivo de uma forte estiagem. “Esse evento reúne em torno de 20 mil pessoas e é voltado prioritariamente para a agricultura familiar. Lá, normalmente, se mostra, demonstra muitas informações, conhecimentos, tecnologias voltadas para o semiárido e com foco, principalmente, de uma convivência produtiva com a seca, esse é o maior objetivo”, ressalta, em entrevista a este Blog.

No local, cerca de 12 hectares serão dedicados à demonstração de tecnologias implantadas no campo. Assim, os visitantes têm a oportunidade de conhecer, diretamente e na prática, os produtos e serviços gerados pela pesquisa, a exemplo de variedades de cultivos alimentares (feijão, mandioca, milho e hortaliças), de forrageiras (sorgo, palma, gliricídia), animais (caprinos, ovinos, bovinos e aves), além de sistemas de captação de água, de irrigação, de planejamento, entre outra centenas de soluções tecnológicas.

Ao longo dos quatro dias de feira, uma extensa programação de minicursos também irá possibilitar aos participantes ampliar os conhecimentos nas mais diversas áreas. Também serão realizados seminários englobando temas como turismo rural, cadeia produtiva da caprinovinocultura, gestão territorial de comunidades indígenas e quilombolas, assistência técnica e extensão rural, além de um evento voltado para apresentação e discussão das ações da Embrapa no Plano Brasil Sem Miséria, do Governo Federal.

Parcerias

O Semiárido Show conta com cerca de 20 Unidades de pesquisa da Embrapa, além do apoio e participação de diferentes Ministérios do Governo Federal, instituições de pesquisa e de assistência técnica e extensão rural dos governos estaduais (BA e PE), universidades e institutos de educação, ciência e tecnologia, empresas privadas do setor agropecuário, federações e confederações de agricultura, organizações não governamentais e movimentos sociais ligados à agricultura familiar. “A gente só consegue fazer um evento desse tipo por conta das grandes parcerias. O evento é considerado caro. Mas, uma vez compartilhado e apoiado pelas instituições, se torna viável”, finaliza.

A programação, as tecnologias que estarão expostas e outras informações do Semiárido Show serão divulgadas no site www.embrapa.br/semiaridoshow e nos perfis da Embrapa nas redes sociais: facebook.com/embrapa,  twitter.com/embrapa e flickr.com/embrapa.



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here