O espaço é infinito e cheio de segredos. Composto por diversos planetas, estrelas, astros como um todo e diversas outras coisas, os cientistas ainda surpreendem-se com tudo que descobrem frequentemente. Para nós, terráqueos, o sol é o centro de luz e fonte de vida. A estrela principal do nosso sistema está muito longe e acima da Terra. A sua superfície gera milhares de milhares de watts de potência sonora por metro quadrado. Isso é semelhante a 100 vezes o fluxo de energia que passa através dos alto-falantes em um show de rock.

Sabemos então que o sol emite um som muito alto que não conseguimos ouvir em razão da distância que ele está do nosso planeta. Cientistas observam isso e estudam para saber o quão alto seria esse som se a estrela viajasse pelo sistema solar. Os modos ressonantes do sol são excitados por alguma coisa. Essa coisa é a tremenda onda de turbulência convectiva. O calor da estrela é trazido para a superfície por convecção, uma vez que o material quente que sobe através das camadas externas, alcança a superfície, esfria e afunda.

Os físicos solares não sabem dizer quanto da energia sonora sai do Sol, mas estima-se que entre 30 e 300 watts por metro quadrado da superfície. Essa incerteza se dá porque a dinâmica da superfície da estrela é complexa. Em termos decibéis, se esse som vazado pudesse se propagar para a Terra, chegaria cerca de 200 W/m² de som, o que produziria uma intensidade sonora de cerca de 20 mW/m². odB é de cerca de 1pW/m², ou seja, cerca de 100dB. No planeta Terra há cerca de 150.000.000 km de distância da fonte sonora.

Esse valor de 100dB se compara a decolagem de um jato (a 305 metros), cortador de grama, moto, trator agrícola, britadeira, caminhão de grandes cargas ou de um helicóptero no ar. As pessoas com toda certeza ficariam incomodadas com o som constante em suas cabeças caso o Sol viajasse pelo Sistema Solar e passasse “próximo” à Terra.

E aí, você sabia disso? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Fonte

Deixe uma resposta