Sérgio Cabral é denunciado pela 20ª vez na Lava Jato, se condenado por todas acusações a pena pode chegar ate 500 anos de cadeia

Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro apresentou mais uma denúncia envolvendo o ex-governador Sérgio Cabral por corrupção passiva. Esta é a 20ª denúncia contra Cabral: uma foi apresentada pela força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba e as outras 19 pelo MPF no Rio, como desdobramentos da operação de Curitiba. O ex-governador já tem quatro condenações pela Justiça Federal.

Caso seja condenado com a pena máxima em todos processos em que é réu, o ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) pode ser sentenciado a mais de 530 anos de cadeia. Somente pelos crimes apurados na Operação Calicute, onde Cabral é acusado de corrupção passiva, lavagem de ativo e pertinência à organização criminosa, o político preso pode ser condenado a 313 anos e 10 meses. A conta é uma estimativa feita com base nas acusações do Ministério Público Federal (MPF) do Rio e Paraná.


Post Views:
2

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here