Câmara Municipal de Juazeiro-BA. (Foto: Arquivo Divulgação)

Como já era esperado, a sessão de ontem (29) na Câmara de Juazeiro foi de discursos relacionados à eleição presidencial. Teve elogios ao derrotado Fernando Haddad (PT) e ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Em meio às manifestações, também houve cobranças a Bolsonaro, mas alguns vereadores ficaram no discurso “morno”.

Acompanhe:

O presidente da Casa, Alex Tanuri (PSL), destacou a liderança de Isaac Carvalho. “Quero aqui parabenizar de público o projeto liderado pelo ex-prefeito, Isaac Carvalho e agora deputado federal que deu um show em Juazeiro e nós tivemos 70% dos votos com Haddad. Então, fortalecido este continua sendo nosso projeto que o povo de Juazeiro reconheceu“.

O vereador, Jean Gomes (PT), lembrou o papel da democracia. “Quero parabenizar a democracia. A democracia está aí para confirmar o voto e a vontade do povo. Espero que os vereadores que votaram em Bolsonaro façam essa interlocução para que Juazeiro não fique esquecida pela presidência“, cobrou.

Quero parabenizar o povo de Juazeiro, não só pela votação, mas pelo comportamento que teve com o resultado, aqueles que perderam, aceitaram a derrota e os que venceram comemoraram com democracia, sem agressão. Que Bolsonaro possa respeitar os negros, os quilombolas, as mulheres, os índios e que a democracia prevaleça“, disse Charles Leal (PDT).

Florêncio (PDT) também frisou o papel da democracia. “A democracia ainda é o melhor sistema político que pode ter numa nação. O melhor dessa eleição foi que provamos para todo mundo que o processo político no Brasil acontece de forma clara e ampla. O que importa é que cada um venha consolidar essa democracia“, disse.

No Plenário o vereador, Anastácio (PCdoB), disse: “Nós sabemos que a vitória não veio no âmbito nacional, mas Juazeiro fez sua parte pela democracia. Eu só tenho a agradecer por termos feito nosso deputado federal, Isaac Carvalho e os nossos deputados estaduais, Zó e Roberto Carlos, os dois senadores e o governador“, comemorou.

Gleidson Medrado (PSD) reforçou: “Agora é torcer que Bolsonaro faça um bom governo e que olhe para os nordestinos e para o juazeirense como o governo do PT olhou. Quero reconhecer o trabalho do deputado eleito, Isaac, que transformou Juazeiro da mesma forma que o PT transformou o Nordeste“, comentou.

Bené Marques (PSDB) falou sobre os anseios da população. “O povo brasileiro deu o seu voto em cima de algumas coisas. Pediram mais segurança, saúde, respeito aos princípios morais que a sociedade e a família têm que ter“, disse.

Já Aníbal (PTC) comemorou muito a vitória de Bolsonaro. “Tenho certeza que Deus agiu nessa eleição, porque o Brasil estava desgovernado e precisava de alguém que sente a necessidade do povo. Deus colocou o nosso querido presidente Jair Bolsonaro“.

Domingão da Aliança (PRTB) disse que vai ser um interlocutor com a presidência. “Tenho certeza que Bolsonaro vai fazer um bom governo para mudar a situação do nosso Brasil, ao lado do nosso vice, Mourão, que é do nosso partido“, finalizou.

Fonte

Deixe uma resposta