Por: Blog Edenevaldo Alves –

Instituição de uma comissão para gerenciar as ações de prevenção e combate ao novo coronavírus, adoção de trabalho remoto, monitoramento de estudantes e servidores após retorno de viagens ao exterior, reestruturação da Policlínica do Hospital Universitário (HU) com leitos de UTI específicos para o enfrentamento da pandemia, estruturação de laboratório para produção de formulações higienizadoras, a exemplo de álcool líquido, doações de álcool gel 70% e equipamentos de proteção individual (EPIs), campanha para arrecadação de recursos para aquisição de respiradores e EPIs e campanhas de comunicação. Estas são algumas das ações já realizadas pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) e divulgadas, hoje (31), por meio do documento “Ações da Comunidade Acadêmica da Univasf no Combate à Disseminação do Coronavírus em Tempos de Pandemia”.

Estas ações vêm sendo executadas, desde meados de março, com a participação de toda a comunidade acadêmica da Univasf com o objetivo de contribuir para o combate à pandemia disseminada pelo novo coronavírus, causador da Covid-19. A Universidade deu início à mobilização da comunidade acadêmica em torno da pandemia com a criação da Comissão de Elaboração, Acompanhamento e Monitoramento de Ações de Prevenção do Coronavírus (Covid-19), em 13 de março, por meio da Portaria nº 097/2020. Desde então, a Universidade não para e vem acompanhando e seguindo as determinações do Ministério da Saúde e dos governos estaduais e municipais das cidades da sua região de abrangência.

A partir de 16 de março, foram suspensas as atividades acadêmicas presenciais. As atividades administrativas passaram a ser desempenhadas em sistema de home office, com trabalho remoto dos servidores em suas residências, a partir de 19 de março, conforme Instrução Normativa N° 5/2020. E no último dia 27, a Univasf manteve a suspensão das atividades presenciais por tempo indeterminado. Com estas atitudes e as ações que vêm sendo executadas com o envolvimento de servidores, estudantes e funcionários terceirizados, a Univasf entende que está fazendo o seu papel, diante do cenário atual, para minimizar a disseminação do novo coronavírus na região e, consequentemente, o impacto da pandemia no país e no mundo.

Deixe uma resposta