Valores bloqueados são de Marisa? Então prove!

Junto com a condenação a nove anos e seis meses de prisão por lavagem de dinheiro e corrupção passiva, Sergio Moro também mandou confiscar R$ 16 milhões supostamente oriundos de uma conta de propinas que a OAS teria com Lula e seu partido.

A defesa pediu que um pedaço fosse desbloqueado sob o argumento de que eram parte da meação da ex-primeira-dama Marisa Letícia.
Moro deu prazo de 15 dias para que os advogados de Lula provem que o dinheiro que pedem tem como origem a parte de Marisa Letícia no patrimônio do casal. Ele exige ‘demonstração necessária, juntando os extratos, da origem de recursos, a fim de que se possa verificar se trata-se de verbas de natureza comunicável ou não ao cônjuge’.
O valor é de R$ 303 mil.

FONTE: FABIO CAMPANA



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Please enter your name here